{{ warning.message }} Ver detalhes
Post
Link
Pergunta
O que seu paciente gostaria de falar a você?
[editar artigo]

O que seu paciente gostaria de falar a você?

O que seu paciente gostaria de falar a você?

Politrauma, Câncer, Agravos Congênitos, Sepse, Erros Inatos do Metabolismo, Doenças auto-imunes... São uma quantidade imensa de agravos que aproximam muito qualquer um de nós seres do medo, da incapacidade, da péssima qualidade de vida, da morte.

“Acidentes” que mudam a vida do enfermo e de todos aqueles que o rodeiam. Nada como uma doença para mostrar a todos a infalível condição humana. Enfrentar o desconhecido, assustar-se ante aos desdobramentos possíveis de um diagnóstico correto e a união com o médico para que decisões difíceis sejam tomadas, vislumbrando apenas vida com qualidade de vida.

São enfrentamentos de batalhas que médicos, pacientes e familiares, travam com o mau agouro de uma nova doença. Cada batalha vencida decorre de uma estratégia traçada pelo médico com (e para) o paciente. Este, por sua vez, segue com todas as suas forças e vontades as nem sempre bem-vindas sugestões.

É isso que o médico faz. É um estrategista que exige de seu paciente aplicação e vontade de viver. Quando a guerra é vencida, e o paciente recuperado, nem sempre este médico ouve o que o paciente realmente gostaria de falar para ele.

Para homenagear seus “generais”, o SIMERS (Sindicato dos Médicos do Rio Grande do Sul) deu voz de uma maneira um pouco diferente aos pacientes. Algo simples e inovador, que deixou o coração dos pacientes, falar para seus médicos. Confira:

Não deixe de comentar logo abaixo!

Fernando Carbonieri

Fernando Carbonieri

Inovação é sua forma de exercer a medicina. Em 2012 criou a Academia Médica, comunidade dedicada a "FALAR O QUE A FACULDADE ESQUECEU DE NOS CONTAR". Membro Comissão do Médico Jovem do CFM, Palestrante, Hacking Health Curitiba e Brasil

Fique informado sobre as novidades da comunidade
Cadastre-se aqui
Gostou desse artigo? Escreva o seu também!
Nova publicação

Artigos relacionados

Continue lendo!

Cadastre-se gratuitamente e tenha acesso
aos conteúdos exclusivos.

Entrar