[ editar artigo]

3 dicas para acadêmicos publicarem seu primeiro artigo

3 dicas para acadêmicos publicarem seu primeiro artigo

Muitos acadêmicos desejam publicar um artigo científico, seja por necessidade de pontuação na residência ou por simplesmente realizar o desejo que a maioria de nós tem ao entrar no ensino superior que é o de fazer ciência.

Com a pandemia do novo coronavírus vimos como o conhecimento científico pode evoluir rapidamente, mas também vimos que muitos artigos têm falhas metodológicas e tivemos casos onde houve a publicação de artigos científicos fraudulentos em revistas científicas renomadas. Tendo em vista esse cenário decidi compartilhar algumas dicas de como consegui publicar meu primeiro artigo científico. Então vamos lá!

1) Conheça os tipos de desenho metodológico - disciplinas de formação científica

Durante a faculdade nós temos algumas disciplinas que visam nos ensinar o que são os diferentes desenhos de estudo. Essas disciplinas têm diversos nomes como redação científica, formação científica e outros. Ao meu ver, o primeiro passo a se fazer para publicar um estudo é entender o que são os estudos científicos e seus níveis de evidência.

2) Participe de um grupo de pesquisa

Participar de um grupo de pesquisa sério nos ajuda em diversos aspectos e não necessariamente apenas no sentido da publicação. Quando estamos imersos em um ambiente de pesquisa sério outras habilidades são moldadas como: aprender a fazer uma boa apresentação, aprender a escrever um projeto de pesquisa (geralmente um projeto de iniciação científica), conseguir desenvolver e implantar uma metodologia de pesquisa adequada e aprender como o método científico funciona na prática.

Geralmente iniciamos como voluntários em uma espécie de quebra-galho ou faz tudo dentro do laboratório; após um tempo podemos pegar uma iniciação científica (IC) e executar um projeto de um ano ou dois no máximo. É nesse período que geralmente nasce o nosso primeiro trabalho, porque após o término da Iniciação científica nós geramos dados que muito provavelmente serão publicados.

A minha dica especial para acadêmicos de medicina nesse ponto é procurar laboratórios onde os orientadores entendam a nossa rotina super corrida e que apoiem o que você faz. É sempre bom perguntar para os ICs mais velhos do lab como funciona a rotina de trabalho lá dentro.

3) Acompanhar um médico - seu professor ou não

Quem não gosta de ir para um pronto socorro ou UPA da vida durante a faculdade de medicina não é mesmo? Em minha opinião, acompanhar as atividades assistenciais nos recompensa duplamente. O primeiro ponto é o de aprender a rotina dos serviços de atendimento e ver na prática o que estudamos tão massivamente nas disciplinas teóricas. Atrelado a isso nós podemos ter a “sorte” de nos deparar com uma apresentação incomum ou rara de uma doença.

No momento que estamos diante desse cenário supracitado nós temos a oportunidade de elaborar um Relato de caso. Muitas revistas científicas aceitam relatos de caso por eles se apresentarem como ótimas oportunidades de estudo e revisão de literatura para apresentações incomuns de diversas patologias.

Nesse momento é importante que você seja proativo e se disponha a escrever o trabalho junto com seu orientador, até porque nada cai do céu de presente no colo do acadêmico - na maioria das vezes.

 

Dica bônus: As universidades têm como base três pilares: ensino, pesquisa e EXTENSÃO. Muita gente não sabe, mas existem revistas científicas brasileiras especializadas em publicar os resultados de projetos de extensão. Então da próxima vez que você finalizar um projeto na área de extensão converse com seu orientador para publicar os resultados.

 

Gostou? Acha que faltou alguma dica? Me fala aqui nos comentários o que você adicionaria para completar as dicas. Até a próxima!

 


Quer escrever?

Publique seu artigo na Academia Médica e faça parte de uma comunidade crescente de mais de 186 mil médicos, acadêmicos, pesquisadores e profissionais da saúde. Clique no botão "NOVO POST" no alto da página!


 

Academia Médica
Diego Arthur Castro Cabral
Diego Arthur Castro Cabral Seguir

Acadêmico de Medicina da Universidade Federal do Pará. Jovem pesquisador em neurociências com projetos de iniciação científica. Coordenador discente de projetos de Extensão. Insta: @arthurcastropro

Ler matéria completa
Indicados para você