[ editar artigo]

Buscando a Identidade Medica por meio da História - O Médico de Pérgamo

Buscando a Identidade Medica por meio da História - O Médico de Pérgamo

O médico dessa semana revolucionou o ensino da medicina. Seu conhecimento ficou validado por praticamente 1000 anos, e sua historia é hoje ensinada e mencionada em diversos livros médicos. Hoje, o médico é Galeno

Galeno nasceu em Pérgamo, localizada na região do Egeu na Turquia, no ano de 129 D.C.  Era filho de Elio Nicon, um abastado patrício, arquiteto e construtor, que tinha interesses em diversas áreas, entre as quais filosofia e matemática.

Para relembrar, a essa altura da historia, essa região já era ocupada pelo Império Romano. Os patrícios eram a dita aristocracia da época Romana, o que explica o fácil acesso de Galeno aos principais professores, livros e materiais para desenvolver seu gosto pela filosofia e medicina. Aliado a isso, Pérgamo possuía um grande centro cultural e intelectual, onde Galeno começou a desenvolver seu conhecimento desde os 14 anos .  

Mesmo que o pai lhe visasse um futuro ligado a filosofia ou a política, algo de grande valor na sociedade romana antiga, o próprio Galeno afirmou em seus relatos que seu pai teve um sonho com o Deus Asclépio, que falou que seu filho deveria fazer medicina.

E rapidamente a historia do jovem Galeno sofreu uma reviravolta, e seu pai, lhe fez de tudo para que se torna-se um grande médico, já que era o pedido de um Deus. E aos 16 anos, ingressou no santuário de Asclepium onde seguiu os sacerdotes por 4 anos para aprender tudo em medicina. 

Após esse período, trabalhou durante dois anos ainda no Templo de Pérgamo, mas havia entendido que precisava expandir mais seus conhecimentos em outros locais. Fazendo viagens pelos principais centros comerciais e intelectuais do mediterrâneo, entre eles Alexandria.

No ano de 157, retornou a Pérgamo,e ocupou o cargo de médico da escola de gladiadores. Logo, se formos analisar, os gladiadores do período romano frequentemente estavam sujeitos a quaisquer tipos de lesões osteomusculares e também a ferimentos com altíssima chance de infecção, o que fez Galeno desenvolver muito suas habilidades e análises no campo da cirurgia.

Após 5 anos se mudou para Roma, onde caiu nas graças da alta classe imperial, e em 169, chegou a tratar o Imperador Marco Aurélio, se tornando medico particular deste. 

Os trabalhos de Galeno, à ótica da época, foram de enorme relevância. Entre alguns de seus trabalhos, está a diferenciação das artérias e veias. A afirmação, pela primeira vez na historia, de que o cérebro controlava as respostas do corpo, distinguindo inclusive, em seus estudos anatômicos, os nervos sensoriais motores. 

Em 170, Galeno realizou uma experiencia que revolucionou a história da medicina. Afirmou, que as artérias e veias circulavam o sangue e não o ar como se pensava ate então.

Embora possa parecer algo banal e evidente hoje em dia, a 2000 anos atras isso foi uma revolução, haja visto a dificuldade na pesquisa em cadáveres humanos, sendo basicamente seus estudos anatômicos com os cadáveres de animais. Inclusive os conceitos escritos por Galeno sobre o Sistema Cardiovascular, só foram corrigidos quase 1500 anos depois pelo Dr William Harvey. 

No campo da anatomia, descreveu com precisão os tipos diferentes de ossos, o crânio humano e também o sistema muscular. Alem disso, conseguiu descrever o sistema nervoso e suas ramificações. Sendo que, seus desenhos só foram superados quando Vesalius reformulou em suas anotações. Graças a esse conhecimento anatômico se tornou um exímio cirurgião e fez propostas de intervenções cirúrgicas que são usadas ate hoje, uma delas a correção da catarata.

Alem disso, acreditava que as doenças surgiam de acordo com os "humores" (líquidos que circulavam o corpo), em sua teoria eles eram fundamentais para compreender a gênese dos processos patológicos.

Chegou inclusive a elaborar "a fórmula de Galeno" que continha mais de 70 substratos, entre eles opiáceos e carne de serpentes. Acreditava que a terapêutica farmacológica, valia-se pelo "o contrario, o contrario cura", usando plantas medicinais para tratar as mais diversas patologias.

Também era um entusiasta dos estudos da saúde publica e higienização. Auxiliou na reformulação da cidade de Roma e outras grandes cidades do Império, para se tornarem mais higiênicas e com melhor qualidade de vida aos seus cidadãos, entre essas melhorias a inserção de fontes de água potável, construção de esgoto e latrinas públicas. 

E o currículo de Galeno, obviamente, incluía o exercício da Docência. Galeno acreditava que um bom médico deveria praticar a medicina com o conhecimento filosófico.

Sempre se demonstrou interessado pelo debate, principalmente, entre médicos empiristas e médicos racionais, mostrando, ao seu ver, que a medicina era uma união entre essas duas vertentes, onde baseava-se na observação direta, dissecção  e reflexão. 

Um incêndio no Templo da Paz, onde estavam arquivadas mais de 500 obras de Galeno, destruiu parte considerável de sua obra, restando apenas 83. Entre elas Sobre a Medicina Empírica e Comentários a Hipócrates.  Galeno faleceu aos 82, uma idade muito avançada considerando a expectativa de vida da população de sua época. 

A visão dos autores que estudam Galeno sempre foi controversa, variando desde professor auxiliador de seus alunos, à narciso sem modéstia. Contudo, sua obra permaneceu durante séculos, inclusive sendo defendida pela Igreja Católica como forma de estudo médico, até a época da renascença.

Galeno revolucionou a história da medicina e do mundo, sem ele (muito possivelmente) as faces do Império Romano no quesito de infraestrutura sanitária teriam sido completamente diferentes.

Mesmo que sua obra já esteja ultrapassada, seu conhecimento filosófico, no sentido de formar médicos capazes de observar e refletir sobre o ser humano como um todo, hoje são ainda essenciais na formação acadêmica das novas gerações. É certo que a medicina evoluiu drasticamente, mas Galeno ainda continua junto dela. 

Referências

  1. CORDEIRO, Mario - Principes da Medicina - Editora Saida de Emergencia - Portugal -2016
  2. https://www.ebiografia.com/claudio_galeno/
  3. http://www.fiocruz.br/biosseguranca/Bis/Biograf/ilustres/claudiogaleno.htm
  4. https://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1678-31662006000100003

 

Academia Médica
Luiz Andre Maciel Marques
Luiz Andre Maciel Marques Seguir

Graduando de Medicina pela Faculdade de Medicina de Barbacena, atualmente no 7ºperiodo. Monitor de Psicologia Medica e Etica e Monitor do Programa de Atenção Primaria. Entusiasta da literatura e historia.

Ler matéria completa
Indicados para você