[ editar artigo]

Eficácia das vacinas contra a COVID-19 em adolescentes

Eficácia das vacinas contra a COVID-19 em adolescentes

Em 30 de maio de 2021, a pandemia do coronavírus 2019 (Covid-19) causou mais de 169 milhões de infecções ao redor do mundo, e aproximadamente 3,5 milhões de mortes[1]¹ Idosos, pessoas com comorbidades e trabalhadores da linha de frente correm o maior risco de contrair a Covid-19 e de desenvolver suas complicações. Contudo, dados recentes mostram taxas crescentes de infecção por síndrome respiratória aguda grave pelo coronavírus 2 (SARS-CoV-2) em outras populações, incluindo adultos mais jovens.[2]

Embora crianças e adolescentes que tenham Covid-19 geralmente apresentem sintomas mais leves do que os adultos, casos graves podem ocorrer nesta população, especialmente em indivíduos com condições médicas subjacentes.[3] desta forma, estudos estão sendo desenvolvidos para saber o papel das vacinas nessas populações.

E o que sabemos sobre a eficácia das vacinas nessa população?

A BNT162b2 (Pfizer – BioNTech) é uma vacina contendo RNA mensageiro modificado com nucleosídeo que codifica a glicoproteína de pico da síndrome respiratória aguda grave do coronavírus 2 (SARS-CoV-2 ).[4]

Em 11 de dezembro de 2020, a BNT162b2 recebeu da Food and Drug Administration autorização para uso emergencial na prevenção da Covid-19 em pessoas com 16 anos de idade ou mais.5 E em 10 de maio de 2021, a autorização de uso foi expandida para incluir pessoas com 12 anos de idade ou mais. [5]

De acordo com um estudo multinacional, cego e controlado por placebo onde foram distribuídos aleatoriamente entre os participantes em uma proporção de 1: 1 duas injeções, com 21 dias de intervalo, de 30 μg da BNT162b2 ou placebo. A não inferioridade da resposta imune ao BNT162b2 em participantes de 12 a 15 anos em comparação com participantes de 16 a 25 anos foi um objetivo de imunogenicidade. A segurança e eficácia contra a COVID-19 na coorte de 12 a 15 anos de idade também foram avaliadas.[6]

No geral, participaram 2.260 adolescentes de 12 a 15 anos de idade, dentre os quais 1131 receberam BNT162b2 e 1129 receberam placebo. Como encontrado em outras faixas etárias, a BNT162b2 teve um perfil de segurança e efeitos colaterais favoráveis, com reatogenicidade transitória de leve a moderada (predominantemente dor no local da injeção [em 79 a 86% dos participantes], fadiga [em 60 a 66% ] e dor de cabeça [em 55 a 65%]); não houve eventos adversos graves relacionados à vacina.

A proporção média dos títulos de neutralização de 50% do SARS-CoV-2 após a segunda dose em participantes de 12 a 15 anos em relação aos participantes de 16 a 25 anos foi de 1,76, que atendeu ao critério de não inferioridade de um limite inferior do intervalo de confiança bilateral de 95% e indicou uma resposta maior na coorte de 12 a 15 anos.

Entre os participantes sem evidência de infecção anterior por SARS-CoV-2, nenhum caso de Covid-19 com início de 7 ou mais dias após a dose 2 foi observado entre os vacinados com a BNT162b2, e 16 casos ocorreram entre os receptores de placebo. 6

A vacina BNT162b2 nos adolescentes de 12 a 15 anos de idade teve um perfil de segurança favorável, produziu uma maior resposta imunológica que em adultos jovens e foi altamente eficaz contra Covid-19. [6]


Quer escrever?
Publique seu artigo na Academia Médica e faça parte de uma comunidade crescente de mais de 215 mil médicos, acadêmicos, pesquisadores e profissionais da saúde. Clique no botão "NOVO POST" no alto da página!


Referências

1. World Health Organization. Coronavirus disease (COVID-19) dashboard.

2021 (https://covid19 .who.int/).

2. Centers for Disease Control and Prevention. COVID-19 information page (https://www.cdc.gov/coronavirus/2019 -ncov/index.html).

3.  Tsabouri S, Makis A, Kosmeri C, Siomou E. Risk factors for severity in children with coronavirus disease 2019: a comprehensive literature review. Pediatr ClinNorth Am 2021; 68: 321-38.

4.  Pfizer Manufacturing Belgium NV. Pfizer-BioNTech COVID-19 vaccine: fact sheet for healthcare providers administering vaccine (vaccination providers). 2021 (http://labeling .pfizer.com/ShowLabeling.aspx?id=14471).

5. Coronavirus (COVID-19) update: FDA authorizes Pfizer-BioNTech COVID-19 vaccine for emergency use in adolescents in another important action in fight against pandemic. News release of the Food and Drug Administration, Silver Spring, MD, May 10, 2021 (https://www .fda.gov/news-events/press-announcements/coronavirus-covid-19-update-fda-authorizes-pfizer-biontech-covid-19-vaccine-emergency -use).

6. POLACK, Fernando P. et al. Safety and efficacy of the BNT162b2 mRNA Covid-19 vaccine. New England Journal of Medicine, v. 383, n. 27, p. 2603-2615, 2020.

Academia Médica
O que a faculdade esquece de falar!
O que a faculdade esquece de falar! Seguir

Página da redação da Academia Médica para divulgar atualizações pertinentes aos médicos, acadêmicos de medicina e profissionais de saúde.

Ler conteúdo completo
Indicados para você