[ editar artigo]

Entidades médicas lamentam aprovação do #Mais Médicos em Comissão Mista

Entidades médicas lamentam aprovação do #Mais Médicos em Comissão Mista
COMUNICADO AOS MÉDICOS E À POPULAÇÃO

Entidades médicas lamentam aprovação do Relatório da MP 621/2013 em Comissão Mista do Congresso

As entidades médicas nacionais - Associação Médica Brasileira (AMB), Associação Nacional dos Médicos Residentes (ANMR), Conselho Federal de Medicina (CFM) e Federação Brasileira das Academias de Medicina (FBAM) - lamentam que a Comissão Mista do Congresso Nacional que analisa a MP 621/2013 tenha aprovado, nesta terça-feira (1º), o relatório apresentado pelo deputado Rogério Carvalho (PT/SE), o qual mantém uma série de inconsistências relacionadas ao Programa Mais Médicos.Com o apoio de alguns parlamentares e com a contribuição da Comissão Nacional de Residência Médica (CNRM), assim como de diversos pesquisadores e universidades do país, as entidades nacionais de representação médica apresentaram propostas que tocavam em aspectos considerados essenciais ao bom exercício da Medicina e à qualificação do atendimento em saúde para a população (clique aqui para ler a íntegra do documento).Entre estas propostas, constam mudanças que aperfeiçoavam as regras para o funcionamento dos cursos de medicina, do processo de formação médica e de residência médica, bem como os fluxos relacionados ao registro, à atuação e à fiscalização dos médicos intercambistas do referido Programa.

O posicionamento das entidades médicas nacionais junto à Comissão Mista da MP 621/2013, por meio desta proposta, foi mais uma tentativa de estabelecer um canal de diálogo com o governo. Este esforço resulta do compromisso histórico dos médicos brasileiros com a sociedade e com a saúde da população, lutando para que os cidadãos tenham acesso a serviços pautados pelos princípios e diretrizes constitucionais.

Independentemente da decisão tomada pela Comissão Mista, as entidades (com o apoio dos médicos e de importantes segmentos sociais) continuarão a defender o debate em torno de tema tão complexo e polêmico. Para tanto, ressaltam a importância de defender seus argumentos, fiscalizar a execução das medidas e colaborar ética e tecnicamente com a correção dos rumos tomados até o momento.

Associação Médica Brasileira (AMB) Associação Nacional dos Médicos Residentes (ANMR) Conselho Federal de Medicina (CFM) Federação Brasileira das Academias de Medicina (FBAM)
Academia Médica
Fernando Carbonieri
Fernando Carbonieri Seguir

Empreendedor serial em saúde com cases de transformação digital reais que já impactam milhões de vidas. Crio uma arena de discussões para que o conhecimento seja compartilhado e construído para que a saúde e a medicina evoluam!

Ler conteúdo completo
Indicados para você