[ editar artigo]

Especialidades Médicas - Medicina Interna 1

Especialidades Médicas - Medicina Interna 1

Especialidades Médicas - Medicina Interna 1

Quando você fala para alguém que cursa medicina ou mesmo antes de entrar na faculdade, ainda na época de vestibular, uma das primeiras perguntas que te fazem é: “Já sabe em que você vai se especializar?”.

Essa é uma pergunta muito comum. Afinal, qual acadêmico de medicina nunca se perguntou sobre isso?

Não deixe de conferir a Agenda dos Concursos de Residência Médica 2016

Antes de entrar na faculdade, frequentemente temos uma visão idealizada sobre a profissão, e sobre a atuação em cada especialidade. Ao longo dos 6 anos de curso, passamos por diversas fases: o ciclo básico, o ciclo clínico, internato, e assim vamos conhecendo um pouco melhor cada especialidade, e como o médico pode atuar nos diversos campos disponíveis atualmente. Ainda assim, mesmo após o término da faculdade, muitas vezes é difícil escolher uma especialidade e a pergunta permanece: “Qual especialidade você vai seguir?”.

A medicina é uma área muito ampla, e decidir sobre fazer ou não uma residência, ou qual especialidade e às vezes até qual subespecialidade seguir pode ser quase tão difícil quanto escolher uma profissão.

Pensando nisso, vamos fazer essa série de textos para tentar escrever um pouco sobre cada especialidade médica. Descrevendo desde as mais tradicionais, conhecidas há muitos anos, até às menos conhecidas, mais novas, que estão surgindo atualmente.

No Brasil, hoje são reconhecidas 53 especialidades médicas, com 54 áreas de atuação.

Podemos dividir as especialidades em clínicas e cirúrgicas:

Dentre as clínicas, há uma grande área conhecida como Clínica Médica (ou Medicina Interna). É a especialidade que deu origem às outras diversas especialidades clínicas, como:   Cardiologia, Alergologia/imunologia, Endocrino, Infecto, Reumato, Nefro, Gastro, Onco, Hemato, Pneumo e Geriatria.

A Clínica Médica é responsável pela prevenção, diagnóstico e tratamento das doenças do adulto. Sendo geralmente responsável por diagnosticar e tratar os grandes quadros sintomáticos, em pacientes que apresentam patologias múltiplas ou com diagnóstico difícil; assim, atuam principalmente em hospitais.

No Brasil, a residência em Clínica Médica tem duração de 2 anos e é pré-requisito para a especialização nas áreas acima citadas (exceto a especialidade de infectologia que tem acesso direto).

Neste Post você pode conhecer um teste vocacional para médicos que pode auxiliar na sua escolha.

Teste vocacional médico

Academia Médica
Ler matéria completa
Indicados para você