[ editar artigo]

Ligas acadêmicas e participação científica

Ligas acadêmicas e participação científica

Entre livros, resumos, salas de aulas e trabalhos extracurriculares encontra-se um estudante de medicina. Já é bem conhecido por todos o quanto nós precisamos, ainda como universitários, iniciar a construção de um currículo e de boas experiências acadêmicas. Desafiador para alguns, fato é que através dos trabalhos temos nossas visões expandidas e levadas para além daquilo que há anos foi impresso em páginas de livros, saímos com o senso crítico mais aguçado e certo apreço pelo universo científico. Nesse contexto que nós, alunos participantes da Liga Acadêmica de Hematologia de Juiz de Fora, acompanhados pela doutora hematologista Daniela Werneck, temos passado nossos anos de formação, debruçados em artigos, interpretação de dados, questionários de pesquisas e amor pela ciência em construção.

 

Na rotina de atuação da liga, o Congresso Brasileiro de Hematologia, HEMO, é um dos eventos mais expressivos, para o qual escrevemos, submetemos resumos e trocamos experiências com outros acadêmicos e profissionais, brasileiros ou não. Nesse ano nossa expectativa é de enviar ao HEMO seis trabalhos, quais sejam:

 

O impacto da vitamina D em com Doença Falciforme: uma revisão sistemática

 

 A deficiência de Vitamina D é prevalente na Doença Falciforme (DF) em decorrência do status inflamatório crônico, danos renais, endoteliais, hiperhemólise e melanodermia. Atualmente, a suplementação desse nutriente em falcêmicos tem mostrado importância devido a sua ação sistêmica e imunológica. Ao realizar essa revisão tivemos como objetivo analisar o impacto da vitamina D na qualidade de vida em crianças com DF.

 

Análise dos custos de cuidados básicos na Doença Falciforme em crianças brasileiras até os cinco anos de idade

 

 A DF é considerada um problema global e crescente de saúde pública. A cada ano cerca de 300.000 crianças nascem com Anemia Falciforme no mundo e esse número pode aumentar para 400.000 até 2050. O indivíduo portador da DF necessita de uma atenção especial à saúde, já nos primeiros dias de vida, logo após o diagnóstico, a criança deve ser encaminhada para o centro de referência, de modo a receber uma atenção especializada. Nesse centro, as medidas profiláticas como penicilina, vacinas e o uso contínuo de ácido fólico devem ser iniciadas, esses cuidados representam a essência do tratamento, principalmente nos primeiros cinco anos de vida. Nesse trabalho, foi avaliado e estimado o custo dos cuidados básicos na Atenção Primária à Saúde em DF entre pacientes pediátricos até 5 anos de idade, no âmbito do Sistema Único de Saúde brasileiro.

               

 Impacto da COVID-19 no comparecimento de doadores de sangue e hemoprodução nos Hemocentros Brasileiros

 A síndrome respiratória aguda grave causada pelo novo coronavírus 2 (SARS-CoV-2), também conhecida como COVID-19, atingiu mais de 200 países. O objetivo deste estudo foi verificar o impacto da pandemia por COVID-19 no comparecimento de doadores de sangue e produção de hemocomponentes na Fundação Hemominas (FH), composta por vários bancos de sangue. Realizamos um estudo transversal no período de janeiro a junho de 2020, comparamos a uma série histórica de 2016 a 2019 e as variáveis analisadas foram o comparecimento total de doadores de sangue, o número de coletas de sangue total e a taxa de produção de hemocomponentes.

 

Hiperpigmentação mucocutânea secundária à terapia com Hidroxiureia

A Hidroxiureia (HU) é uma droga citostática utilizada para inibir a enzima ribonucleotídeo redutase na fase S da replicação celular bloqueando a síntese de DNA e inibindo a divisão celular. O medicamento é utilizado no tratamento de doenças mieloproliferativas, anemia falciforme e psoríase. Dentre as manifestações dermatológicas associadas ao fármaco cita-se xerose cutânea, hiperpigmentação mucocutânea, ulcerações, erupções liquenoides, alopecia, aftose, eritema semelhante à dermatomiosite, cromoníquia, atrofia de pele, descamação de face, mãos e pés, ceratose actínica e carcinomas cutâneos. Tivemos como objetivo nesse trabalho revisar a literatura científica sobre as manifestações dermatológicas secundárias à terapia de HU, em especial a hiperpigmentação mucocutânea, discutindo sua fisiopatogenia, frequência e a conduta na vigência do evento adverso.

 

 Desafios transfusionais em um paciente com Mieloma Múltiplo usando anti-CD38 : um relato de caso

Entidade hematológica extremamente rara, nesse quadro os testes pré-transfusionais, essenciais para a liberação de hemocomponentes, podem ser afetados por medicamentos, como os anticorpos monoclonais anti-CD38 (daratumumab), que compreendem um recurso promissor no tratamento do Mieloma Múltiplo IgM (MM). Nosso estudo relata o caso de um homem de 64 anos com diagnóstico de MM IgM em uso de anti-CD 38, que evoluiu com anemia sintomática e necessidade de suporte transfusional. Analisamos aqui uma forma de tratamento e armazenamento dos glóbulos para minimizar a interferência do anti-CD38 em testes pré-transfusionais.

 

Projeto Amigo de Sangue: análise do incentivo à doação

Desenvolvido por nossa liga, o Projeto Amigo de Sangue foi iniciado em prol do incentivo à doação de sangue no Hemocentro Regional de Juiz de Fora – Minas Gerais (FH). O intuito é conscientizar, por meio das mídias sociais, sobre a importância da doação de sangue, visando aumentar o número de doadores, bem como manter o estoque dentro dos níveis ideais. Ademais, manter o fluxo de doadores/dia estável, manter o estoque de bolsas de sangue dentro dos níveis ideais, capacitar alunos de medicina sobre a doação de sangue, a fim de se tornarem multiplicadores dessa causa e, por fim, ampliar a cultura sobre doação de sangue. Nosso trabalho enviado ao congresso teve como objetivo analisar os resultados do projeto a partir da quantificação de doadores pelo sistema da FH, além de averiguar o impacto atingido com as postagens em mídias sociais.
 

Acreditamos que a formação acadêmica, para além das aulas da universidade, demanda experiência prática e visão crítica e aberta para as etapas da ciência. As ligas acadêmicas e os congressos são a nossa ponte entre os livros e essa realidade que nos torna melhores estudantes e médicos.

Ler conteúdo completo
Indicados para você