[ editar artigo]

Médica brasileira é salva por método de ventilação mecânica de sua coautoria

Médica brasileira é salva por método de ventilação mecânica de sua coautoria

Em meados de abril a notícia da internação da pneumologista Carmen Valente Barbas circulara dentro e fora do Brasil. Isso porque a médica, pesquisadora e professora com 60 anos de idade e mais de 35 de carreira, é uma autoridade internacional em ventilação mecânica, método usado no tratamento de casos graves da covid-19.

A Dra Carmen e sua equipe possuem prestígio internacional na área de ventilação mecânica (VM) por conta de seus trabalhos. Em 1998 ela publicou na renomada revista New England Journal of Medicine uma pesquisa onde levantaram a hipótese que a própria VM pudesse estar danificando o pulmão dos pacientes.

"Estávamos estudando a ventilação mecânica em pacientes com Síndrome do Desconforto Respiratório Agudo, a SDRA", diz Carmem à BBC News Brasil. "Na época, a mortalidade dessa síndrome era 70%. Então, todo mundo que trabalhava em terapia intensiva ficava desanimado, porque você ventilava o paciente e a maioria deles morria."

A médica fez a testagem para o novo coronavírus no hospital onde trabalha mesmo não tendo sintomas relacionados à doença. O seu teste foi realizado no dia 19 de março de 2020 onde foi confirmado o diagnóstico. Ainda no mês de março foi internada e intubada.

Ela tinha dedicado a carreira aos pacientes, ao ensino e à ciência. Agora, Carmen confiava sua própria vida à técnica que ajudara a desenvolver e aos médicos que treinara. Sua alta hospitalar foi dada no dia 20 de abril de 2020 e já no início de junho retornou ao trabalho sem sequelas.

Se interessou em como os métodos de ventilação mecânica podem salvar a vida das pessoas? Aprenda o método que a Dra Carmen Barbas ajudou a criar e muitos outros no curso de Ventilação Mecânica ministrado pela Dra Roberta Fittipaldi. Clique no link abaixo e confira.

Texto elaborado por Diego Arthur Castro Cabral com informações da BBC Brasil, Globo e AMIB. Confira a entrevista na íntegra clicando neste link.

 


Quer escrever?

Publique seu artigo na Academia Médica e faça parte de uma comunidade crescente de mais de 186 mil médicos, acadêmicos, pesquisadores e profissionais da saúde. Clique no botão "NOVO POST" no alto da página!


 

Referências

  1. A médica brasileira que contraiu Covid-19 e foi salva pelo método de ventilação que ela própria criou. G1 n.d. https://g1.globo.com/bemestar/coronavirus/noticia/2020/07/13/a-medica-brasileira-que-contraiu-covid-19-e-foi-salva-pelo-metodo-de-ventilacao-que-ela-propria-criou.ghtml (accessed July 26, 2020).

  2. A médica brasileira que contraiu COVID-19 e foi salva pelo método de ventilação que ela própria criou. AMIB 2020. https://www.amib.org.br/noticia/nid/a-medica-brasileira-que-contraiu-covid-19-e-foi-salva-pelo-metodo-de-ventilacao-que-ela-propria-criou/ (accessed July 26, 2020).

  3. Vasconcelos M. A médica brasileira que contraiu covid-19 e foi salva pelo método de ventilação que ela ajudou a criar. BBC News Brasil 2020. https://www.bbc.com/portuguese/brasil-53367232 

  4. Amato MBP, Barbas CSV, Medeiros DM, Magaldi RB, Schettino GP, Lorenzi-Filho G, et al. Effect of a Protective-Ventilation Strategy on Mortality in the Acute Respiratory Distress Syndrome. N Engl J Med 1998;338:347–54. https://doi.org/10.1056/NEJM199802053380602 

 

Academia Médica
O que a faculdade esquece de falar!
O que a faculdade esquece de falar! Seguir

Página da redação da Academia Médica para divulgar atualizações pertinentes aos médicos, acadêmicos de medicina e profissionais de saúde.

Ler conteúdo completo
Indicados para você