[ editar artigo]

“Para ser Médico, sê Inteiro…”

“Para ser Médico, sê Inteiro…”

Porto e Pessoa se complementam: Para ser Médico, grande, sê todo

Sê humano.

Sê amor.

Sê empatia.

É sobre saber que somos a esperança daquele paciente, daquela família, que tanto precisam de atenção, compreensão.

É entender que não se trata apenas de ter razão e, sim, coração.

Cada qual – nós e eles – carrega em si um pouco dos seus, sua vivência, suas energias positivas (e negativas também).

É sobre saber entrar ali e lidar com esse choque de mundos de modo a oferecer não apenas cura, mas conforto.  

Entrar ali para entender, explicar, sentir... deixá-los sentir! Enquanto fazemos nosso papel.

As relações familiares, os fatos marcantes, traumáticos, tristes e felizes, conflitos mal resolvidos, medos, angústias, pensamentos ruins e não resolvidos.

O que pode ter corroborado para o adoecimento dessa pessoa?

É sobre saber tocar na ferida e, de fato, fazer aliviar. Darmos o que podemos de nós para recarregar aquele indivíduo. Sermos luz.

Ser o paciente é difícil... num lugar estranho, pessoas novas, cama diferente, com remédios, dispositivos, palavras difíceis e muitas vezes incompreendidas (também pela alma!)

À espera de alguém para conversar, desabafar.

Será que precisa de atenção??

E nós, médicos...

Nos é permitido sentir, ser forte para o paciente – e também para nós mesmos –, mas sentir...

Temos mania de racionalizar os sentimentos, não nos permitir sofrer, não nos permitir vivenciar!

Talvez como um mecanismo de defesa, porém acarretando, muitas vezes, na perda da essência do nosso trabalho.

Pode-se dizer que só se valoriza a felicidade quando se vê a tristeza.

Não podemos perder o entusiasmo.

O brilho nos olhos.

Como ao ver um paciente ser desintubado  na UTI depois de semanas de agonia...

Afinal...

É sobre seres humanos que precisam de outros seres humanos.

Eles de nós. E nós deles.

 


Quer escrever?

Publique seu artigo na Academia Médica e faça parte de uma comunidade crescente de mais de 215 mil médicos, acadêmicos, pesquisadores e profissionais da saúde. Clique no botão "NOVO POST" no alto da página!


 

Academia Médica
Flávia Corrêa de Oliveira Lima
Flávia Corrêa de Oliveira Lima Seguir

Interna do 12° termo de Medicina da FAMEPP.

Ler conteúdo completo
Indicados para você