[ editar artigo]

Sabedoria

Sabedoria

Saibamos olhar o lado bom. No meio de tanta coisa ruim, de tanto rascunho e de tantos rabiscos. Saibamos ver o que é preciso ver. A vida voa e esquecemos disso. Saibamos que todos os problemas são lições. Saibamos que nada dura para sempre, nem a tristeza e nem a alegria. Transição constante e nada mais. Saibamos apreciar, mesmo no meio da tempestade, aquilo que nos mantem vivos. O nosso barquinho que teima em não afundar. 

Saibamos agradecer. O mundo não é para quem desiste. O mundo persiste com nós. Saibamos apreciar. Saibamos esticar a mão e alcançar quem precisa. Sempre tem alguém que precisa mais do que nós. Saibamos escutar. Escutar com atenção e com presença. Temos que estar aqui. Não vivemos amanhã e nem ontem! Presente é sempre presente que temos de aceitar.

A ilusão da permanência nos maltrata e isso também já foi dito. A luta é permanente, o resto não. 

Quando somos crianças e estamos na escola muitas vezes pensamos: “Quando eu sair da escola..." Nunca saímos da escola. Saibamos entender isso também. Tudo é lição aqui e agora e depois.

Os professores somos todos nós e também somos os alunos na grande teia do conhecimento e da vida. Saibamos ser gratos aos nossos mestres. Saibamos sair para o “recreio” e descansar a mente por alguns instantes, respirar fundo e mergulhar de novo. Saibamos da nossa respiração. Saibamos que tudo contém energia. Não existe o “nada”, o “inócuo” e o dispensável. Tudo importa. Tudo nos afeta e nos ensina. Tudo. Saibamos desse tudo.

Saibamos de Deus. Saibamos deste nome que está em tudo. Saibamos desta força que não está lá em algum lugar nos esperando. Está aqui. Está aqui no meio destas letras. Saibamos destas letras e da mensagem que elas carregam. Saibamos da mensagem. Da mensagem do aqui e agora. Deste exato momento. Deste ponto.

Saibamos perder. Saibamos dos erros que cometemos antes de julgar. Saibamos não atirar a primeira pedra. Saibamos da nossa pequenez diante de tudo. Saibamos olhar profundamente. Saibamos silenciar quando tudo for barulho e confusão. 

Saibamos nos tolerar e nos colocar no lugar dos outros. Saibamos perdoar e também pedir perdão. 

Saibamos ter esta coragem. A coragem que muda tudo. A vela de sabedoria que não desiste de iluminar.

Caê Martins


Quer escrever?

Publique seu artigo na Academia Médica e faça parte de uma comunidade crescente de mais de 186 mil médicos, acadêmicos, pesquisadores e profissionais da saúde. Clique no botão "NOVO POST" no alto da página!


 

Ler conteúdo completo
Indicados para você