[ editar artigo]

Aplicativos Médicos - Figure 1

Aplicativos Médicos - Figure 1

Aplicativos Médicos - Figure 1

Aplicativo canadense, criado por uma equipe de médicos liderada pelo Dr. Josh Landy, que inovou ao levar a discussão dos casos clínicos a uma plataforma que permite discutí-los com médicos o mundo inteiro. No momento são mais de 1 Milhão usuários em mais de 190 países. Como ferramenta de ensino, já é utilizado por mais de 65% de todos os estudantes de medicina dos Estados Unidos.

O Figure 1 recebeu 4.9 em 5 pontos possíveis em nossa avaliação. O Figure 1 recebeu 4.9 em 5 pontos possíveis em nossa avaliação.

Já estamos testando o aplicativo Figure 1 por 3 mêses (você pode procurar o academiamedica lá também). No mês de Junho ele ficou totalmente em português e o número de casos publicados por médicos e estudantes de medicina brasileiros aumentou muito.

Mas muitos devem se perguntar sobre a privacidade do paciente,já que as fotos de exames, de sinais e sintomas são as principais ferramentas para articular as discussões dos casos. Aí é que está o porque da adesão massiva ao app – eles fazem a curadoria dos casos e só liberam aqueles que são impossíveis de identificar o paciente. Para isso funcionar, integrado ao app há um modulo de edição de imagens que permite cortar, riscar, apontar ou escrever sobre o agravo observado ali.

Figure 1 Grand Rounds

Este canal do app permite que você leve um procedimento cirúrgico para todos no mundo de maneira real e colaborativa, como se fosse uma verdadeira aula da residência ou internato na beira do leito do paciente. Uma instituição é convidada a oferecer este evento, e o especialista responsável pelo procedimento fica conectado durante 1 hora para responder às perguntas da comunidade em tempo real. Este espaço também já foi utilizado para mostrar um dia de trabalho de um doutor de Gana, único médico responsável por uma comunidade de mais de 88.000 pessoas.

Figure 1 – Paging

Essa função é excepcional, mas como toda coisa muito inovadora ainda merece alguns estudos. Com o paging você sobe seu caso clínico e, em tempo real, solicita a opinião dos especialistas da área de interesse. Ou seja, é a telemedicina colaborativa em âmbito mundial. Conversando certa vez sobre esse tipo de coisa em uma reunião do CFM, me lembraram de um velho aforismo da medicina: “Quem tem muito médico, não tem médico nenhum”. Mas se em uma ponta tem um médico conversando com vários outros médicos, cabe ao médico assistente tomar a melhor decisão para o paciente. Se este estiver embasado com opiniões de colegas especialista e voluntários, pode ser uma boa coisa.

A beleza dos exames de imagem também é reproduzida pelo app:

Você pode ver tomografias e Ressonância como se estivesse no computador do Comando destas Máquinas. A reprodução é perfeita. Mas vale lembrar que para subir um caso dessa forma você deve remover todos os nomes, datas ou qualquer informação que identifique o paciente.

Prós:

  • Casos clínicos reais, comentados pelas pessoas que atenderam os pacientes
  • Quizes de casos clínicos
  • Você pode conectar um caso clínico à evolução do caso deixando-o mais robusto e educativo
  • O aplicativo é gratuito
  • Ampla base de médicos que sempre apresentam novos casos
  • Curadoria do conteúdo pela equipe do aplicativo
  • Profissionais de saúde e estudantes de medicina podem publicar seus casos, então você não será importunado por populares pedindo a opinião sobre uma doença pessoal.

Contras:

Baixe o app na Apple Store ou no Google Play

appstoregoogleplay

Academia Médica
Fernando Carbonieri
Fernando Carbonieri Seguir

Inovação é sua forma de exercer a medicina. Em 2012 criou a Academia Médica, comunidade dedicada a "FALAR O QUE A FACULDADE ESQUECEU DE NOS CONTAR". Membro Comissão do Médico Jovem do CFM, Palestrante, Hacking Health Curitiba e Brasil

Ler matéria completa
Indicados para você