[ editar artigo]

Projeto "Biblioteca Azul" : biblioteca da Organização Mundial da Saúde [OMS]

Projeto

*Artigo adaptado do site da OMS 

O projeto Biblioteca Azul (BA) foi desenvolvido pela Biblioteca da Organização Mundial da Saúde (OMS) em 1997 com o objetivo de aumentar a informação disponível nos centros distritais de saúde em África e compensar a falta de informação existente.

Foi criada em francês, inglês, árabe, Em 2006, estendeu-se para o português e em 2012 foi criada a Biblioteca Azul em espanhol.

O português é a sexta língua mais falada no mundo com quase 300 milhões de pessoas distribuídas em oito países e quatro continentes.

O português é também a língua mais falada no hemisfério sul.

A rede ePORTUGUÊS  em parceria com a divisão de Publicações (WHO press) e com o apoio do Ministério da Saúde do Brasil e do Alto Comissariado da Saúde de Portugal desenvolveram o projeto Biblioteca Azul em português, que é hoje uma das atividades mais importantes da rede.

A coleção abrange mais de 180 livros, documentos e manuais sobre saúde pública, gestão, políticas de saúde, cuidados de enfermagem, saúde da mulher e da criança, doenças infecciosas, SIDA, malária entre outros.

Entre os documentos selecionados, deu-se prioridade aos manuais básicos que oferecem soluções práticas aos problemas enfrentados diariamente pelos profissionais de saúde.

Considerou-se também os diferentes níveis de conhecimento do público alvo e, portanto, pode-se encontrar o mesmo tema dirigido a diferentes categorias profissionais (médicos, enfermeiros, agentes comunitários, etc.)

Para facilitar o transporte e armazenamento, a coleção é mantida em uma caixa de metal azul, contendo duas prateleiras com caixas de papelão que mantêm os livros organizados de acordo com o tema.

A Biblioteca Azul permite que quaisquer outros materiais apropriados ou mais culturalmente aceitos para o país/distrito ou região sejam inseridos e acrescentados pelos profissionais.

 


REFERÊNCIA 


 

Academia Médica
O que a faculdade esquece de falar!
O que a faculdade esquece de falar! Seguir

Página da redação da Academia Médica para divulgar atualizações pertinentes aos médicos, acadêmicos de medicina e profissionais de saúde.

Ler conteúdo completo
Indicados para você