Elimine as faltas no seu consultório
Fernando Carbonieri 2014/02/27 01:05:05 +0000 | 4 minutos de leitura
[editar artigo]

Elimine as faltas no seu consultório

images (1)

Elimine as faltas no seu consultório

Faltas dos pacientes às consultas com os médicos é recorrente em nosso meio, o que implica em perdas significativas aos profissionais de saúde. Para os médicos, o não aparecimento resulta em perdas de tempo, eficiência e dos recursos (humanos ou não). Os números de esquecimentos das consultas frequentemente chegam a 30%, resultando em diminuição nos ganhos mensais.

Para os pacientes, os custos incluem a insatisfação em não obter agendamentos de curto prazo e redução da qualidade do cuidado. Some-se a isso a influência sobre os outros pacientes que poderiam ser encaixados naquele horário que acabou de ficar vago. Para diminuir a taxa de faltas às consultas são usados alguns métodos ( correspondências, emails, telefone). Entretanto, esses esquemas são caros (salários dos funcionários do consultório ou sistemas de gerenciamento) e podem não ser efetivos.

Sistemas automáticos de lembrança das consultas são amplamente utilizados para decrescer a taxa de faltas às consultas. Esses sistemas permitem a redução da quantidade de profissionais necessários para o andamento de sua clínica, além de padronizar e uniformizar os lembretes aos pacientes. Um sistema eletrônico não fica doente, não fica mau humorado e está menos sujeito a erros.

Um estudo do The American Journal of Medicine avaliou as taxas de não aparecimento comparando os sistemas automáticos ( Secretária eletrônica e SMS), lembretes das secretárias e a falta de lembretes. Avaliou também a percepção dos pacientes perante o recado (idade, tipo de consulta, tempo de espera para a consulta, especialidade, tipo de pagamento...). O estudo intitulado "The Effectiveness of Outpatient Appointment Reminder Systems in Reducing No-Show Rates", chegou a conclusão de que os lembretes eletrônicos ainda são menos efetivos que as ligações pessoais, mas possuem uma vantagem econômica muito maior.

Para atender toda a demanda mensal de um consultório, os sistemas de agendamento custam em torno de 50 a 400 reais por mês. Muito menos que uma pessoa exclusiva para realizar este serviço. Vale ressaltar também que um bom funcionário não custa menos que 1800 reais ( sem contar os encargos)

Utilizar estes serviços proporciona um melhor uso dos seus recursos humanos, que podem ser designados a atividades que realmente agreguem valor a sua atividade profissional. Deixar um sistema eletrônico cuidando de atitudes mecânicas, libera sua secretária para realizar funções como restabelecer contato com antigos pacientes, que podem significar uma recuperação de seus ganhos.

Os médicos podem fazer muito para resolver esse tipo de problema. Primeiro, eles tem que mudar a atitude perante aos que não aparecem para consulta. Alguns ficam aliviados quando um paciente falta, pois pensam que assim terão tempo para entrar no horário novamente. A estratégia é quebrar paradigmas e não ficar aliviados quando um paciente falta, mas sim preocupados e chateados com aquele que consumiu do seu tempo, da sua preocupação e de seu dinheiro. Além disso, o médico deve possuir artifícios que melhore o relacionamento com o cliente. Esses sistemas são, portanto, um investimento, e não um gasto a mais como muitos podem pensar.

aviso-certo-banner-468-60-academia-medica

COMPARTILHE
Fernando Carbonieri

Fernando Carbonieri

CEO e Founder - Academia Médica

Artigos relacionados

login modal