[ editar artigo]

Maus-tratos no local de trabalho são relatados com frequência por residentes

Maus-tratos no local de trabalho são relatados com frequência por residentes

Os residentes de medicina de emergência (ME) frequentemente relatam maus-tratos no local de trabalho, sendo os pacientes e/ou familiares de pacientes uma fonte frequente dessa prática, de acordo com um estudo publicado em 19 de agosto na Rede JAMA.

“Os pacientes e/ou familiares dos pacientes são uma fonte frequente de maus-tratos; 2,5% dos residentes relatam pensamentos suicidas”.

Michelle D. Lall, médica da Emory University em Atlanta, e seus colegas examinaram a prevalência, os tipos e as fontes de maus-tratos no local de trabalho durante o treinamento entre residentes de ME nos Estados Unidos e avaliaram a correlação entre maus-tratos e ideação suicida. Um total de 8.162 residentes eram elegíveis; 94,1% responderam a pelo menos uma pergunta da pesquisa e 79,7% completaram a pesquisa de 35 itens.

Os pesquisadores descobriram que 45,1% do total de participantes relataram exposição a algum tipo de abuso no local de trabalho durante o ano letivo mais recente. Pacientes e/ou familiares dos pacientes foram identificados como fonte frequente: 58,7, 67,5, 85,2 e 69,1% relataram discriminação de gênero, discriminação racial, abuso físico e assédio sexual, respectivamente. No geral, 2,5% dos residentes relataram pensamentos suicidas ocorridos durante o ano passado, com uma prevalência semelhante por gênero (2,4% para homens e mulheres) e raça/etnia (2,4 e 2,7% para residentes brancos não hispânicos e residentes de outras raças/grupos étnicos, respectivamente).

"Identificar e promover as melhores práticas para minimizar os maus-tratos no local de trabalho durante a residência pode ajudar a otimizar a experiência de carreira profissional e melhorar o bem-estar pessoal e profissional dos médicos ao longo de suas vidas", escrevem os autores.

E você? Tem alguma situação que gostaria de compartilhar?

Falar sobre o assunto pode te ajudar a se sentir acolhido.

Estamos aqui para te ouvir!!! Deixe nos comentários o seu relato, ou mande para nosso Direct. 

Artigo relacionado  

Hostilidade, discriminação e assédio na medicina - American College of Cardiology

 

 


Quer escrever?
Publique seu artigo na Academia Médica e faça parte de uma comunidade crescente de mais de 215 mil médicos, acadêmicos, pesquisadores e profissionais da saúde. Clique no botão "NOVO POST" no alto da página!


Referências

1. Physician's Briefing. Workplace Mistreatment Reported Frequently by Emergency Medicine Residents [Internet]. Consumer Health News | HealthDay. Consumer Health News | HealthDay; 2021 [cited 2021 Aug 27]. Available from: https://consumer.healthday.com/workplace-mistreatment-reported-frequently-by-er-residents-2654703532.html#toggle-gdpr ‌

Academia Médica
O que a faculdade esquece de falar!
O que a faculdade esquece de falar! Seguir

Página da redação da Academia Médica para divulgar atualizações pertinentes aos médicos, acadêmicos de medicina e profissionais de saúde.

Ler conteúdo completo
Indicados para você