[ editar artigo]

4 livros GRATUITOS de saúde e ciência para pensar fora da caixa

4 livros GRATUITOS de saúde e ciência para pensar fora da caixa

Livros gratuitos são bons e não dá para negar que todo estudante de medicina e áreas correlatas adora encontrar referências de qualidade, sem ter que pagar por isso e, melhor ainda —não violar a Lei de Direitos Autorais.  Como disse um dos educadores brasileiros mais notáveis de todos os tempos:

“A educação não transforma o mundo. Educação muda as pessoas e as pessoas transformam o mundo”. (Paulo Freire)

Sendo assim, estudar e desmistificar a falácia de que sabemos tudo e somente o domínio das técnicas basta, é importante para ser um profissional melhor. Aliás, a evolução profissional deve ser diária. Por isso, selecionamos 5 indicações de livros gratuitos de saúde para você pensar fora da caixa. Todos podem ser baixados no Portal Porto Livre, da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) — um site com acesso aberto , portanto, na lei. Confira!

1.Morar em liberdade: retratos da Reforma Psiquiátrica Brasileira

Publicado em 2020 pela Editora Fiocruz de Brasília, o livro Morar em liberdade: retratos da Reforma Psiquiátrica, de Fernanda Maria Duarte Severo e Bárbara Anaisse, é obrigatório para quem se interessa por psiquiatria, psicologia e áreas afins para compreensão da importância do movimento sanitário da Reforma Psiquiátrica  — que começou nos 70 no Brasil e foi essencial para mudança de mentalidade e dos modelos de atenção e  gestão na saúde mental, dando fim às políticas de confinamento e opressão a um parecer positivo para o cuidado em liberdade por meio da Rede de Atenção Psicossocial (RAPS).

Na obra, as autoras apresentam memórias e histórias importantes sobre o cuidado humanizado em saúde mental. A narrativa é resultado de uma pesquisa-ação comunicacional de resgate, guarda e difusão de histórias de vida da Reforma Psiquiátrica Brasileira e, ao mesmo tempo, em que surgem a partir de um contexto de violação de direitos e retrocessos, lançam luz sobre como é possível ressignificar essas histórias em uma perspectiva antimanicomial.

2. Desafios do acesso aos medicamentos no Brasil

Se você atua na Saúde Coletiva, precisa ler Os Desafios no acesso aos medicamentos no Brasil, publicado em 2020 pela Editora Fiocruz do Rio de Janeiro e organizado por José Carvalho de Noronha, médico da Fiocruz e coordenador da iniciativa prospecção Estratégica do SUS “Brasil Saúde Amanhã”; Antônio Zepeda Bermudez, médico com doutorado em Saúde Pública pela ENSP e Mestre em Doenças Infecciosas e Parasitárias pela Faculdade de Medicina da UFRJ  e outros cientistas, autores e médicos renomados na área de saúde coletiva.

A obra é dividida em três capítulos. O primeiro trata da assistência farmacêutica e o acesso aos medicamentos; o segundo dos remédios essenciais e estratégicos para o tratamento das populações  e o terceiro sobre o contexto atual da produção de fármacos, medicamentos  e perspectivas futuras.

Os autores reforçam que a reflexão é indispensável, já que o acesso aos remédios gratuitamente condiz com o que foi definido no artigo 196 da Constituição Federal de 1988. No entanto, as transformações da indústria farmacêutica, o alto custo dos produtos e as barreiras ao acesso por questões políticas são uma realidade.

3.Expressões artísticas durante a pandemia

A pandemia de COVID-19 revelou impactos devastadores sobre as condições de vida, sobrevivência e morte. E, neste momento tão cruel da humanidade, a arte é um respiro. Por isso, os organizadores (as)  e autores (as) Valéria da Silva Trajano, Jhonatan Oliveira, Mauro Campello e Antônio Gonçalves apresentam uma série de expressões artísticas no livro Expressões artísticas durante a pandemia, realizadas por estudantes de pós-graduação, servidores e outros funcionários da Fiocruz, instituição centenária, que se dedica à pesquisa da saúde e da doença de forma interdisciplinar.

4. Histórias para inspirar futuras cientistas

Para fechar a lista de indicações com chave de ouro, não poderíamos esquecer  do livro Histórias para inspirar futuras cientistas, elaborado pelas autoras e pesquisadoras Juliana Krapp, Mel Bonfim e Flávia Borges. A obra foi publicada em 2021 pela Editora Fiocruz do Rio de Janeiro e se encaixa nas áreas de Saúde Pública e Divulgação Científica.  O projeto gráfico é incrível, divertido e, ao longo do texto, são contadas 13 histórias incríveis de mulheres que fizeram e fazem a  diferença na ciência. A obra é fruto de uma ação do Programa Mulheres e Meninas na Ciência da Fiocruz.

Se você chegou até aqui, esperamos que tenha gostado das indicações. Acha que faltou algum livro na lista? Deixe sua sugestão nos comentários!

Artigos relacionados

10 sites para baixar livros de medicina de graça (e legalmente)

20 livros para gestores, empreendedores e administradores de saúde

• 8 livros para o médico empreendedor

Livraria Médica

Academia Médica
Bruna Martins Oliveira
Bruna Martins Oliveira Seguir

Jornalista graduada pela PUCPR e Mestranda em Informação e Comunicação em Saúde pelo PPGICS da Fiocruz. Atualmente, pesquiso sobre saúde mental, mulheres e redes de apoio e comunicação.

Ler conteúdo completo
Indicados para você