[ editar artigo]

Suicídio entre estudantes de medicina - Isso não é normal

Suicídio entre estudantes de medicina - Isso não é normal

Vídeo produzido pelo DAHMED PUC Minas sobre suícidio entre Estudantes de Medicina

2017 já está no fim e podemos dizer que foi o ano da depressão. Talvez um dia ele seja lembrado como o ano em que finalmente conseguimos levar Luz a este problema que sabidamente leva a incapacidade laboral e que é mortal. 

Apenas aqui no Brasil, são mais de 12 mil suicídios concretizados durante todos os anos. Há ainda a sensação de que o suicídio é subnotificado e que este número pode ser ainda maior. 

Sabe-se que as profissões de saúde estão entre as que levam risco de depressão e suicídio ao seu praticante. Sabe-se ainda que a medicina é a profissão que possui a maior taxa de suicídio no mundo inteiro, inclusive aqui no Brasil. O que não se sabe são meios efetivos para levarmos luz a este problema e realmente salvaguardar a vida do médico e do estudante de medicina.

Após 2 mortes por auto-extermínio em uma faculdade de medicina em Minas Gerais, o Diretório Acadêmico Horizontal de Medicina da PUC Minas, produziu o video acima, que já contava com mais de 18 mil visualizações no facebook. Resolvemos republicá-lo aqui para também levar a mensagem deles e de muitos outros estudantes de medicina que se vêem pressionados, angustiados e sem solução para seus problemas.

Se você já pensou em suicídio quando era acadêmico de medicina, por favor escreva seu relato aqui no academia médica, mostrando o como você deu a volta por cima. Se você precisa de ajuda, por favor procure seus familiares, professores, amigos, colegas de turma, médico, psicólogo, psiquiatra... NÃO SOFRA SOZINHO, pois nenhum homem é uma ilha, e você realmente não está sozinho!

Felizmente hoje conseguimos ver ações que podem ser produtivas. Este ano a OMS declarõu o ano da luta contra a depressão e você pode obter os materiais produzidos AQUI na matéria que fizemos no Academia Médica.

Antes de Médicos, somos humanos. Sofremos e apanhamos da vida como qualquer pessoa. Temos que lidar sim com a miséria humana na sua essência. Por esse motivo temos que estar saudáveis mentalmente. Algo muito interessante foi a inclusão da saúde do médico na Declaração de Genebra, que foi atualizada em outubro deste ano (AQUI).

Mais uma vez acreditamos mesmo que podemos dar a volta por cima e estamos aqui para servir os médicos, profissionais dotados de dignidade e que também podem sucumbir frente às adversidades.

Não esqueça de comentar, compartilhar se achar prudente, ou ainda mandar o seu texto para ajudar a expandir os horizontes da medicina, falando o que a faculdade de medicina esqueceu de nos contar.

Academia Médica
Fernando Carbonieri
Fernando Carbonieri Seguir

Empreendedor serial em saúde com cases de transformação digital reais que já impactam milhões de vidas. Crio uma arena de discussões para que o conhecimento seja compartilhado e construído para que a saúde e a medicina evoluam!

Ler conteúdo completo
Indicados para você