[ editar artigo]

Sars-Cov-2 pode afetar negativamente a qualidade de espermatozoides

Sars-Cov-2 pode afetar negativamente a qualidade de espermatozoides

 

Pesquisadores do Grupo de Estudos em Saúde do Homem do Instituto de Estudos Avançados da Universidade de São Paulo (IEA-USP), liderados pelo andrologista Jorge Hallak, descreveram, em um estudo, mudanças na qualidade dos espermatozoides em pacientes que haviam sido infectados pela Covid-19

Os testículos expressam a proteína ACE2 (enzima conversora de angiotensina 2), receptor que o vírus Sars-Cov-2 utiliza para invadir as células. No entanto, diferentemente de outras infecções virais ou bacterianas que atingem este órgão, a epididimite causada pelo vírus da Covid-19 é, em geral, indolor e seu diagnóstico é impossível por exame físico. 

No estudo, 26 pacientes masculinos assintomáticos com média de idade de 33 anos que haviam tido Covid-19  foram submetidos à ultrassonografia escrotal com doppler. Mais da metade deles mostraram sinais radiológicos de inflamação no epidídimo (estrutura cuja função é o armazenamento e maturação dos espermatozoides). 

Em um outro estudo do mesmo grupo, os pesquisadores observaram mudanças na qualidade do espermograma de pacientes previamente infectados. Nestes, a motilidade espermática – cujo índice normal é acima de 50% -  caiu para entre 8% e 12% e permaneceu nesse patamar quase um ano após terem sido infectados pelo SARS-CoV-2. Testes hormonais indicam que os níveis séricos de testosterona (cujo nível normal é entre 300 a 500 ng/dL de sangue) caem drasticamente quando ocorre a infecção por este vírus  (para menos de 200 e, muitas vezes, ficou entre 70 e 80 ng/dL). 

Os autores concluem que adolescentes e adultos jovens com desejo reprodutivo que foram infectados pelo Sars-Cov-2 devem ser estimulados a procurar ajuda de um urologista ou andrologista e serem acompanhados por pelo menos um ano, já que as pesquisas sobre as respostas do sistema reprodutor masculino frente à Covid-19 ainda estão em andamento.

 

Referências:

Hallak J, Teixeira TA, Bernardes FS, Carneiro F, Duarte SAS, Pariz JR, Esteves SC, Kallas E, Saldiva PHN. SARS-CoV-2 and its relationship with the genitourinary tract: Implications for male reproductive health in the context of COVID-19 pandemic. Andrology. 2021 Jan;9(1):73-79. doi: 10.1111/andr.12896. Epub 2020 Sep 30. PMID: 32869939.

Carneiro F, Teixeira TA, Bernardes FS, Pereira MS, Milani G, Duarte-Neto AN, Kallas EG, Saldiva PHN, Chammas MC, Hallak J. Radiological patterns of incidental epididymitis in mild-to-moderate COVID-19 patients revealed by colour Doppler ultrasound. Andrologia. 2021 May;53(4):e13973. doi: 10.1111/and.13973. Epub 2021 Feb 9. PMID: 33565141; PMCID: PMC7994978.

Links relacionados:

 

Academia Médica
O que a faculdade esquece de falar!
O que a faculdade esquece de falar! Seguir

Página da redação da Academia Médica para divulgar atualizações pertinentes aos médicos, acadêmicos de medicina e profissionais de saúde.

Ler conteúdo completo
Indicados para você