[ editar artigo]

Taxa de hospitalização entre crianças e adolescente não vacinados é 10 vezes maior

Taxa de hospitalização entre crianças e adolescente não vacinados é 10 vezes maior

Um novo estudo do Centers for Disease Control and Prevention (CDC) dos Estados Unidos da América alerta para a elevada taxa de hospitalização entre crianças e adolescentes não vacinados. Dentre esta população em que já sabemos que a Covid-19 pode, sim, causar doença grave houve uma taxa dez vezes mais elevada de internações em relação ao público com a mesma idade que tomaram a vacina.

Para realizar essa análise, o CDC utilizou dados da Rede de Vigilância de Hospitalização Associada à Doença do Coronavírus 2019 (Covid-NET) para descrever as hospitalizações associadas a Covid-19 entre crianças e adolescentes dos EUA de 0 a 17 anos.

Durante o período de 1º de março de 2020 a 14 de agosto de 2021, a incidência cumulativa de hospitalizações associadas ao Covid-19 foi de 49,7 por 100.000 crianças e adolescentes. A taxa semanal de hospitalização associada ao Covid-19 por 100.000 crianças e adolescentes durante a semana encerrada em 14 de agosto de 2021 foi quase cinco vezes a taxa durante a semana encerrada em 26 de junho de 2021; entre crianças de 0 a 4 anos, a taxa de hospitalização semanal durante a semana que terminou em 14 de agosto de 2021 foi quase 10 vezes maior que durante a semana que terminou em 26 de junho de 2021.

Durante 20 de junho a 31 de julho de 2021, a taxa de hospitalização entre adolescentes não vacinados (com idades entre 12-17 anos) foi 10,1 vezes maior do que entre adolescentes totalmente vacinados.

Entre todas as crianças e adolescentes hospitalizados com Covid-19, as proporções com indicadores de doença grave (como internação em unidade de terapia intensiva [UTI]) após a variante Delta tornar-se predominante foram semelhantes às anteriores (1 de março de 2020 - 19 de junho de 2021).  

O CDC estadunidense recomenda a implementação e/ou manutenção de medidas preventivas para reduzir a transmissão em crianças e adolescentes, incluindo vacinação de pessoas elegíveis, uso de máscara universal nas escolas, uso de máscara recomendado para pessoas com idade ≥2 anos em outros espaços públicos fechados e creches, e quarentena conforme recomendado após exposição à pessoas com COVID-19.

Conteúdo relacionado


Quer escrever?
Publique seu artigo na Academia Médica e faça parte de uma comunidade crescente de mais de 215 mil médicos, acadêmicos, pesquisadores e profissionais da saúde. Clique no botão "NOVO POST" no alto da página!


Referências

  1. Delahoy MJ, Ujamaa D, Whitaker M, O’Halloran A, Anglin O, Burns E, et al. Hospitalizations Associated with COVID-19 Among Children and Adolescents — COVID-NET, 14 States, March 1, 2020–August 14, 2021. MMWR Morbidity and Mortality Weekly Report [Internet]. 2021 Sep 3 [cited 2021 Sep 7];70(36). Available from: https://www.cdc.gov/mmwr/volumes/70/wr/mm7036e2.htm ‌

Conteúdo elaborado por Diego Arthur Castro Cabral

Academia Médica
O que a faculdade esquece de falar!
O que a faculdade esquece de falar! Seguir

Página da redação da Academia Médica para divulgar atualizações pertinentes aos médicos, acadêmicos de medicina e profissionais de saúde.

Ler conteúdo completo
Indicados para você