[ editar artigo]

Você sabe quais são os critérios diagnósticos da remissão do Diabetes mellitus tipo 2?

Você sabe quais são os critérios diagnósticos da remissão do Diabetes mellitus tipo 2?

O diabete mellitus é um problema de saúde global que vem crescendo nos últimos anos devido, principalmente, aos fatores ambientais que as sociedades vêm adotando. O número de pessoas com diabetes aumentou de 108 milhões em 1980 para 422 milhões em 2014, segundo a OMS. A prevalência tem aumentado mais rapidamente em países de baixa e média renda. O diabetes é uma das principais causas de cegueira, insuficiência renal, ataques cardíacos, derrame e amputação de membros inferiores.

O diabetes tipo 2 (DM 2) ocorre devido ao aumento da resistência à insulina pelo corpo causado por fatores genéticos e alterações ambientais como o sedentarismo. Esse tipo de diabetes é, em grande parte, o resultado do excesso de peso corporal e da inatividade física e é o tipo de diabetes mais prevalente na população. 

Como a pesquisa e o entendimento sobre essa doença vêm crescendo ultimamente, a Associação Americana de Diabetes  (ADA) sugeriu um novo conceito: o de remissão do DM2. Eles sugeriram que a “remissão”, que significa “redução ou desaparecimento dos sinais e sintomas”, seja adotado como termo descritivo. Três categorias de remissão foram propostas:

  • A remissão “parcial” foi considerada como ocorrendo quando a glicemia fica abaixo dos limiares diagnósticos para diabetes é mantida sem farmacoterapia ativa por pelo menos 1 ano.
  • A remissão “completa” foi descrita como níveis normais de glicose sem farmacoterapia por 1 ano.
  • A remissão “prolongada” pode ser descrita quando uma remissão completa persistiu por 5 anos ou mais sem farmacoterapia. Um nível de HbA1c <6,5% e / ou glicose plasmática em jejum: 100-125 mg / dL.

ADA propões novas terminologias e definições nesse assunto

No intuito de facilitar as decisões clínicas, a coleta de dados e a pesquisa sobre os resultados no DM 2, foi desenvolvida uma terminologia mais clara que descreva de forma mais adequada. Com base em nossas discussões, foi proposto o seguinte:

  1. O termo usado para descrever uma melhora metabólica sustentada no DM 2 para níveis quase normais deve ser remissão.
  2. A remissão deve ser definida como um retorno da HbA1c para <6,5% (<48 mmol / mol) que ocorre espontaneamente ou após uma intervenção e que persiste por pelo menos 3 meses na ausência de farmacoterapia para redução da glicose usual.
  3. Quando a HbA1c é identificada como um marcador não confiável de controle glicêmico crônico, a glicemia de jejum <126 mg / dL (<7,0 mmol / L) ou a hemoglogina glicada estimada (eA1C) <6,5% calculados a partir de valores de monitoramento contínuo de glicose podem ser usados ​​como critérios alternativos.
  4. A HbA1c para documentar uma remissão deve ser realizada imediatamente antes de uma intervenção e não antes de 3 meses após o início da intervenção e retirada de qualquer farmacoterapia para redução da glicose.
  5. Os exames subsequentes para determinar a manutenção em longo prazo da remissão devem ser feitos pelo menos uma vez por ano, junto com os testes rotineiramente recomendados para complicações potenciais do diabetes.

Conteúdo relacionado


Quer escrever?
Publique seu artigo na Academia Médica e faça parte de uma comunidade crescente de mais de 215 mil médicos, acadêmicos, pesquisadores e profissionais da saúde. Clique no botão "NOVO POST" no alto da página!


Referências

1. Riddle MC, Cefalu WT, Evans PH, Gerstein HC, Nauck MA, Oh WK, et al. Consensus Report: Definition and Interpretation of Remission in Type 2 Diabetes. The Journal of Clinical Endocrinology & Metabolism [Internet]. 2021 Aug 30 [cited 2021 Sep 6]; Available from: https://academic.oup.com/jcem/advance-article/doi/10.1210/clinem/dgab585/6358623#296615962 ‌

2. World Health Organization: WHO. Diabetes [Internet]. Who.int. World Health Organization: WHO; 2021 [cited 2021 Sep 6]. Available from: https://www.who.int/news-room/fact-sheets/detail/diabetes ‌

Conteúdo elaborado por Diego Arthur Castro Cabral

Academia Médica
O que a faculdade esquece de falar!
O que a faculdade esquece de falar! Seguir

Página da redação da Academia Médica para divulgar atualizações pertinentes aos médicos, acadêmicos de medicina e profissionais de saúde.

Ler conteúdo completo
Indicados para você