[ editar artigo]

A Declaração de São Paulo sobre Saúde Planetária

A Declaração de São Paulo sobre Saúde Planetária

Especialistas em saúde planetária de todo o mundo lançaram um apelo à ação relativo à saúde planetária traçando um caminho a seguir para apoiar um mundo pós-pandêmico mais justo e resiliente.

A Declaração de Saúde Planetária de São Paulo, publicada em 5 de outubro de 2021 no The Lancet, com coautoria de Samuel Myers, principal pesquisador do Departamento de Saúde Ambiental da Escola de Saúde Pública de Harvard e diretor da Planetary Health Alliance. As recomendações da Declaração foram elaboradas durante o Encontro e Festival Anual de Saúde Planetária 2021 em São Paulo, Brasil, que foi realizado em abril. Os signatários do documento incluíram mais de 250 organizações de 47 países.

Nas últimas décadas, a escala dos impactos humanos nos sistemas naturais da Terra aumentou exponencialmente a ponto de exceder a capacidade do nosso planeta de absorver nossos resíduos ou fornecer os recursos que estamos usando”, escreveram Myers e seus coautores na Introdução da declaração. “O principal insight da saúde planetária é que essas interrupções e degradações dos sistemas naturais são uma ameaça clara e urgente não apenas para a teia da vida, mas para a própria humanidade.”

Os autores escreveram que, para proteger a saúde humana e toda a vida na Terra, “precisaremos e podemos efetuar mudanças estruturais profundas e urgentes em como vivemos”. Essas mudanças - que a Declaração chama de “A Grande Transição” - devem envolver “uma rápida mudança na maneira como produzimos e consumimos alimentos, energia e bens manufaturados; requer repensar a forma como projetamos e vivemos nas cidades do mundo; e insiste em que curemos nosso relacionamento com a natureza e uns com os outros.

A Declaração oferece um plano de como vários setores - incluindo empresas, governos, mídia, profissionais de saúde, pesquisadores e educadores, líderes espirituais, artistas, poetas, escritores, músicos e muito mais - podem ajudar a impulsionar a saúde planetária.

“Todas as pessoas, em todos os lugares, de todas as vocações, têm um papel a desempenhar na salvaguarda da saúde do planeta e das pessoas para as gerações futuras”, escreveram os autores.

 

Referências:

Myers, S. S.; Pivor, J. I.; Saraiva, A. M. The São Paulo Declaration on Planetary Health. The Lancet, Vol 398, issue P1299, October09,2021. DOI:https://doi.org/10.1016/S0140-6736(21)02181-4

Artigos Relacionados:


Quer escrever? Clique no passo a passo e saiba como


 

Academia Médica
O que a faculdade esquece de falar!
O que a faculdade esquece de falar! Seguir

Página da redação da Academia Médica para divulgar atualizações pertinentes aos médicos, acadêmicos de medicina e profissionais de saúde.

Ler conteúdo completo
Indicados para você